• Equipe Nemesis

Foco nas Pessoas: principais tendências para 2021

Conheça nossa visão e as principais tendências em gestão de pessoas que identificamos como essenciais para superarmos os desafios deste ano.



Há algum tempo, vem se falando da importância de investirmos nas chamadas soft skills e que o futuro exigiria de todos muita criatividade e flexibilidade. Mas apesar dos investimentos feitos pelas empresas até então, o que vimos foi um gap entre o entendimento teórico e o desenvolvimento dessas novas habilidades, que era maior e mais desafiador do que muitas organizações pensavam.


Se por um lado, foram feitos inúmeros treinamentos em metodologias ágeis e novas ferramentas, por outro, vimos equipes e líderes lutando contra velhos hábitos e inúmeros vieses comportamentais. Sim, mais uma vez, saber o que fazer não foi suficiente para que a mudança acontecesse. Mas dessa vez tivemos que lidar com um desafio maior ainda, fazer esta transição em meio à Pandemia de Covid-19. Servindo como um evento catalisador, a pandemia fez com que muitos profissionais tivessem que mudar rapidamente seu trabalho, exigindo todas essas habilidades que já estavam mapeadas há tempos, mas que na verdade ainda estávamos descobrindo como colocar em prática. Resiliência, flexibilidade, empatia, criatividade, autonomia e autogestão são apenas alguns exemplos de habilidades que se tornaram essenciais no ano de 2020.


Se 2020 nos pegou de surpresa, o que podemos esperar de 2021?


Não há como voltar no tempo, o retorno ao que seria a nossa antiga visão de normal parece ficar cada dia mais distante. Para onde iremos? Como desenvolver novas habilidades e ainda assim, manter-se resiliente frente aos desafios que ainda fazem parte da nossa rotina? O ano de 2021 exigirá das empresas investimentos precisos, que ajudem a equilibrar o desgaste causado pelo estresse da pandemia e possam se encaixar com maestria na cultura e realidade de cada organização. Nosso comportamento é fortemente influenciado por aspectos emocionais, além de inúmeros atalhos que compõem os hábitos e vieses comportamentais. Todos esses processos são inconscientes e, portanto, difíceis de serem ajustados a partir da lógica tradicional de aprendizagem. Aspectos inconscientes precisam de tempo para serem moldados, e são exercitados a partir de novas atitudes e comportamentos.


Entendemos que as organizações buscam um olhar mais profundo a respeito do comportamento humano, para direcionar de forma estratégica seus principais recursos e cuidar bem de suas equipes. Pensando nisso, nós da Nemesis identificamos algumas tendências importantes de investimento para as empresas, que ajudarão na construção de um ambiente de trabalho mais saudável e produtivo:


1. Monitoramento do estresse e investimentos em bem-estar e saúde mental; 2. Criação de ambientes de confiança para que haja comunicação eficiente e maior segurança emocional; 3. Desenvolvimento das habilidades de autogestão e estratégias de engajamento das equipes; 4. Boas práticas para o trabalho remoto: adoção de novos modelos de trabalho e mindset.

Ao longo desse ano, iremos aprofundar cada uma dessas tendências, compartilhando com vocês os principais insights da Neurociência que contribuem para promovermos mudanças realmente sustentáveis e positivas para as empresas.


Quais reflexões você tem feito para 2021? Identificou algum desses desafios na sua empresa? Conta para gente ou mande uma mensagem! 😉